Autor

Redação

A navegação

Redação – Paraná Portal
Foto: Divulgação/RFB

A Receita Federal apreendeu nesta sexta-feira (22) mais 32,5kg de cocaína no Terminal de Contêineres, no Porto de Paranaguá, no litoral do Paraná. Segundo a Alfândega, foi a 20ª apreensão desde o início do ano.

A droga foi encontrada escondida dentro de um contêiner refrigerado carregado com frango. A carga tinha como destino o Porto de Hamburgo, na Alemanha.

Conforme a Receita Federal, o método utilizado pelos traficantes foi o “rip-on/rip-off”, no qual a droga é escondida em meio a uma carga lícita sem os exportadores terem conhecimento.

Ninguém foi preso. O caso será repassado à Delegacia da Polícia Federal em Paranaguá, responsável pelas investigações sobre crimes de tráfico internacional de drogas.

Segundo a Alfândega, essa é a 20ª apreensão de cocaína realizada pela Equipe de Repressão Portuária da Receita Federal no Porto de Paranaguá, em 2021. Ao todo, foram interceptados 3.562,50 kg da droga.

Redação – Paraná Portal
Foto: Daniel Castellano/SMCS

Depois de uma semana tempo fechado, o sol apareceu (com nebulosidade) em Curitiba nesta sexta-feira (22). Apesar da boa notícia, uma frente fria avança e a chuva deve aparecer no fim de semana.

Conforme o Simepar, nas regiões noroeste, oeste e no sudoeste a chuva ocorre a qualquer hora deste sábado, com risco de tempestades severas. Nas demais regiões paranaenses, a chuva se espalha ao longo do dia.https://415300e4aa22494700595c57fc80b655.safeframe.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html

Em Curitiba, a máxima prevista é de 24°C, porém, a probabilidade de ocorrência de chuva está em 95%. No domingo, a máxima não ultrapassa os 22°C e as chances de chuva estão em 98%. 

De acordo com a Climatempo, a chuva deve-se a “um novo sistema de baixa pressão atmosférica localizado no Paraguai, juntamente com uma nova frente fria que deve avançar pelo centro-sul do país.”

Embora ocorram temporais, o fenômeno não acontece de maneira persistente, ou seja, não dura muitos dias. Essa é uma condição comum para esta época do ano, já que a tendência é que a região sul do Brasil receba menos precipitações entre a Primavera e o Verão. Além disso, estamos sobre a influência do La Niña, que também é responsável pela diminuição da chuva no sul.

Com o avanço da frente fria, o mar começa a subir no sábado de manhã e fica agitado. Há alerta para ressaca entre a tarde do sábado e o domingo, com ondas de até 2,5m. A partir da madrugada de segunda, o mar começa a baixar e as ondas passam a variar entre 1m e 1,5m.

Redação – Paraná Portal
Foto: Divulgação

Estudantes que estão se preparando para as provas do Enem 2021 ganharão um reforço no próximo mês: o Cursinho Solidário realiza entre os dias 15 e 26 de novembro aulas de revisão, de forma remota.

As aulas estão divididas em duas semanas. Na primeira, de 15 a 19 de novembro, os temas serão Linguagens e Ciências Humanas; na segunda semana, de 22 a 26 de novembro, os temas serão Matemática e Ciências da Natureza.

O horário das atividades é das 19h às 22h, com exceção do dia 15 que ocorre das 13h30 às 18h30. Os estudantes podem acompanhar as aulas gratuitas e on-line através do YouTube do Cursinho Solidário (clique aqui).

Para mais informações sobre as aulas de revisão para o Enem 2021, basta entrar em contato com o Cursinho Solidário pelo número (41) 99887-2098. As provas do Enem estão marcadas para os dias 21 e 28 de novembro.

Victor Abdala – Repórter da Agência Brasil
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

A transmissão do novo coronavírus (Sars-CoV-2) continua em queda, segundo o boletim do Observatório Covid-19, da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). Com base em dados da semana epidemiológica 41, referente ao período de 10 a 16 de outubro, houve reduções diárias de 4,8% no número de casos e de 3,6% nos óbitos.

Na semana 41, foram registrados no país médias diárias de 10,2 mil casos confirmados e de 330 óbitos. O documento informa ainda que as taxas de ocupação de leitos de UTI para adultos no SUS mantêm-se relativamente estáveis, com 25 estados e 23 capitais fora da zona de alerta e com a maioria abaixo de 50%.

Entre as unidades da federação, as exceções são Espírito Santo, na zona de alerta intermediária, cuja taxa subiu de 65% para 71%, e Distrito Federal, na zona de alerta crítico, mas com uma queda de 89% para 80%.

A Fiocruz destaca que há uma manutenção da tendência dos impactos da covid-19 no país e que a campanha de vacinação contra a doença tem contribuído para isso.

Vacinação levou à queda na transmissão do novo coronavírus

“De agosto em diante, houve uma aceleração da vacinação, que permanece com tendência de alta. Os valores atuais de mortalidade se apresentam estáveis, em torno de 500 óbitos por dia, o que revela uma queda expressiva em relação ao pico observado em abril, quando foram notificados mais de 3 mil óbitos diários. Por outro lado, são valores ainda preocupantes, já que demonstram a permanência da transmissão e a incidência de casos graves que exigem cuidados intensivos, e podem gerar milhares de mortes nos próximos meses”, ressalta o documento.

Apesar disso, o boletim destaca que as estatísticas de casos e óbitos podem sofrer influência de falhas nos fluxos de dados da doença, tanto do e-SUS quanto do Sivep-Gripe.

“Isso se reflete na divulgação de um número abaixo do esperado durante algumas semanas, seguida de um número excessivo de casos, como aconteceu nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Santa Catarina no final de setembro, e no Ceará e Distrito Federal no início de outubro”, informa o boletim.

Segundo a Fiocruz, alguns estados estão tendo problemas com esses sistemas de informação, que podem gerar interpretações equivocadas sobre as tendências locais da pandemia e, consequentemente, comprometer a tomada de decisões baseada nesses dados incompletos.

Redação – Paraná Portal
Foto: Divulgação/PCPR

Na manhã desta quinta-feira (21), a PCPR (Polícia Civil do Paraná) mira integrantes de uma organização criminosa envolvidos em homicídios e tráfico de drogas em Paranaguá, no Litoral do estado.

Foram expedidos 66 mandados judiciais: 22 de prisão preventiva e 44 de busca e apreensão. Os mandados estão sendo cumpridos simultaneamente em Paranaguá e Matinhos. A polícia chegou até os indivíduos após homicídios ocorridos na região durante 2020 e 2021.

A ação da PCPR faz parte de uma força-tarefa da polícia, que visa combater organizações criminosas envolvidas em homicídios, tráfico de drogas e outros crimes relacionados.

Redação – Paraná Portal
Foto: Arquivo/José Fernando Ogura/AEN

A Prefeitura de Curitiba convoca os adolescentes nascidos em 2006 (15 e 14 anos) para receberem a primeira dose da vacina contra a covid-19 nesta quinta-feira (21). Nesta semana, são 31 pontos de vacinação em funcionamento das 8h às 17h.

Com as novas doses recebidas do Ministério da Saúde, por meio da Sesa (Secretaria de Estado da Saúde do Paraná), também serão vacinadas nesta quinta gestantes e puérperas (mães que tiveram bebês há menos de 45 dias) com 12 anos ou mais.

Todos os pontos de vacinação permanecem atendendo para repescagem de primeira dose de pessoas com 18 anos ou mais e repescagem de segunda dose de pessoas já convocadas (veja a lista completa ao final).

VACINA PARA ADOLESCENTES

Os adolescentes entre 12 e 17 anos são imunizados com a vacina da Pfizer – a única liderada no Brasil para este público. Hoje (20), a Secretaria Municipal da Saúde recebeu da Sesa um carregamento com 27.438 doses destinadas a este grupo.

A aplicação nesta faixa etária foi suspensa nesta quarta-feira (20) devido ao baixo estoque. A Prefeitura de Curitiba também mantém uma reserva técnica de 5% para eventuais falhas ou problemas técnicos, como recomenda o PNI (Plano Nacional de Imunização).

Para agilizar as filas nos pontos de vacinação, a Secretaria Municipal da Saúde orienta que pais ou responsáveis por adolescentes elegíveis para receber a vacina contra a covid-19 realizem o cadastro antecipado na plataforma Saúde Já, pelo aplicativo ou pelo site.

Também é recomendado que o termo de consentimento seja lido e assinado por um responsável maior de idade, o que também permite acelerar o ritmo das filas. O documento está disponível no site Imuniza Já.

No dia de receber a vacina contra a covid-19, o adolescente deve estar acompanhado dos pais ou responsável que assinou o termo. Também é necessário apresentar um documento de identificação com foto e CPF, como por exemplo o RG.

REPESCAGEM

Além dos adolescentes, os 31 pontos de vacinação anticovid de Curitiba permanecem vacinando também: repescagem de primeira dose de pessoas com 18 anos ou mais e repescagem de segunda dose de pessoas já convocadas.

Já a repescagem da dose reforço para idosos, profissionais de saúde e imunossuprimidos anteriormente convocados segue suspensa. O município aguarda novas remessas de doses para retomar esta vacinação e ampliar o chamamento para o público prioritário.

Para receber a segunda dose da vacina, basta procurar um dos pontos de vacinação da cidade, das 8h às 17h, levar um documento de identificação com foto e CPF.

Locais de vacinação

  1. US Ouvidor Pardinho
    Rua 24 de Maio, 807 – Praça Ouvidor Pardinho
  2. Centro de Referência, esportes e atividade física
    Rua Augusto de Mari, 2.150 – Guaíra
  3. US Salvador Allende
    Rua Celeste Tortato Gabardo, 1.712 – Sítio Cercado
  4. US Parigot de Souza
    Rua João Eloy de Souza, 111 – Sítio Cercado
  5. US Vila Diana
    Rua René Descartes, 537 – Abranches
  6. Centro de Esporte e Lazer Avelino Vieira
    Rua Guilherme Ihlenfeldt, 233 – Bacacheri
  7. US Bairro Alto
    Rua Jornalista Alceu Chichorro, 314 – Bairro Alto
  8. US Santa Efigênia
    Rua Voltaire, 139  – Barreirinha
  9. US Atuba
    Rua Rio Pelotas, 820 – Bairro Alto
  10. US Tarumã
    Rua José Veríssimo, 1352 – Bairro Alto
  11. US Abranches
    Rua Aldo Pinheiro, 60 – Abranches
  12. US Jardim Paranaense
    Rua Pedro Nabosne, 57 – Alto Boqueirão
  13. US Visitação
    Rua Dr. Bley Zornig, 3136 – Boqueirão
  14. US Camargo
    Rua Pedro Violani, 364 – Cajuru
  15. US Uberaba
    Rua Cap. Leônidas Marques, 1392 – Uberaba
  16. Clube da Gente CIC
    Rua Hilda Cadilhe de Oliveira, nº 700
  17. US Oswaldo Cruz
    Rua Pedro Gusso, 3749 – Cidade Industrial
  18. US Vila Feliz
    Rua Pedro Gusso, 866 – Novo Mundo
  19. US Aurora
    Rua Theofhilo Mansur, 500 – Novo Mundo
  20. Rua da Cidadania do Fazendinha
    Rua Carlos Klemtz, 1.700
  21. US Santa Quitéria 2
    Rua Bocaíuva, 310 – Santa Quitéria
  22. US Pinheiros
    Rua Joanna Emma Dalpozzo Zardo, 370 – Santa Felicidade
  23. US Orleans
    Av. Ver. Toaldo Túlio, 4.577 – Orleans
  24. US Campina do Siqueira
    Rua General Mário Tourinho, 1684 – Campina do Siqueira
  25. US Butiatuvinha
    Avenida Manoel Ribas, 8640 – Butiatuvinha
  26. US São Braz
    Rua Antonio Escorsin, 1960 – São Braz
  27. US Vista Alegre
    Rua Miguel de Lazari, 85 –  Pilarzinho
  28. US Bom Pastor
    Rua José Casagrande, 220 – Vista Alegre
  29. US Palmeiras
    R. João Batista Burbelo, 12 – Tatuquara
  30. US Caximba
    Rua Delegado Bruno de Almeida, 7881 – Caximba
  31. Rua da Cidadania do Tatuquara
    Rua Olivardo Konoroski Bueno, s/n

Redação – Paraná Portal
Foto: Divulgação/Gov.br

Por meio de duas liminares obtidas na Justiça, os municípios de Almirante Tamandaré e Campo Magro, na região metropolitana de Curitiba, são obrigados a regularizarem e atualizarem seus portais da transparência.

Em caso de descumprimento, eles podem ter que pagar multas de R$ 20 mil.https://afdf0ab4a045855965b1dfe0130f6523.safeframe.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html

As ações foram movidas pelo Ministério Público do Paraná. Em relação a Almirante Tamandaré, a promotoria faz observações sobre o portal da transparência desde 2014. Em diversas ações foram propostos Termos de Ajustamento de Conduta.

Ao apresentar a ação civil pública, a 4ª Promotoria de Justiça de Almirante Tamandaré afirmou que o município “não se dispôs a adotar medidas estáveis, básicas e suficientes de transparência – em especial a divulgação on-line de dados e informações de interesse coletivo ou geral essenciais ao controle social da administração pública”.

Em Campo Magro, orientações são feitas desde 2015, também com mais de uma proposta para assinatura de um TAC (Termo de Ajustamento de Conduta), que evitaria o trâmite judicial desde que os erros apontados fossem consertados.

Nas liminares, a Justiça do Paraná deu prazo de 60 dias para que os municípios de Almirante Tamandaré e Campo Magro regularizem os portais da transparência com as adequações indicadas pelo Ministério Público.

Redação – Paraná Portal
Foto: Hully Paiva/SMCS

Secretaria Municipal da Saúde de Curitiba registrou neste domingo (17) menos de 100 casos novos de coronavírus. É a primeira vez que isso acontece desde 28 de junho.

Nos últimos 16 meses, diariamente, Curitiba confirmou pelo menos 100 diagnósticos positivos de covid-19. Ontem (17), foram 98 casos.

A capital também confirmou cinco mortes por complicações da covid-19, todas dentro de um período de 48 horas. As vítimas mais recentes eram quatro homens e uma mulher, com idades entre 39 e 82 anos. Três pessoas tinham menos de 60 anos.

Desde o início da pandemia do coronavírus, Curitiba acumula 295 mil diagnósticos positivos e 7,6 mil óbitos. O número de pacientes recuperados chegou a 285.221.

Atualmente, a Secretaria Municipal da Saúde reconhece 2.375 casos ativos de coronavírus. São contabilizados apenas os pacientes com diagnóstico por exame RT-PCR.

A taxa de ocupação dos leitos exclusivos para covid-19 em Curitiba é de 38% entre as UTIs e 48% entre as vagas de enfermaria.

Redação – Paraná Portal
Foto: Divulgação PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) no Paraná apreendeu no fim de semana 1,2 tonelada de maconha. Foi em diferentes situações, entre sexta-feira (15) e domingo (17). Um caso chamou muita atenção, em Campo Mourão um caminhão guincho foi usado por traficantes para tentar driblar a fiscalização. As informações são da assessoria de comunicação da PRF.

Os policiais rodoviários federais estavam em fiscalização na BR-158, em Campo Mourão, quando decidiram abordar um caminhão guincho que transportava um veículo Golf. Com o motorista do guincho, viajava o casal, responsável pelo automóvel.https://dfa6f5c5b034b20a171dcf570b84ce28.safeframe.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html

Atrás dos bancos dianteiros e no interior do porta-malas do carro, os PRFs encontraram 234,97 quilos de maconha e 16,62 quilos de skunk. O rapaz de 26 anos e a mulher de 18 anos, moradores de Foz do Iguaçu, levariam as drogas para São Paulo. Eles utilizaram o serviço do guincho para tentar escapar da abordagem policial. O Golf possui registro de roubo/furto.

Já em Mandaguari, na BR-376, na noite de sábado (16), os policiais deram ordem de parada a uma Fiat Strada que seguia de Maringá a Londrina. O condutor não obedeceu e tentou atropelar um policial, que conseguiu saltar para não ser atingido. Em alta velocidade, o condutor fugiu e abandonou o veículo alguns quilômetros à frente.

No compartimento de carga da Strada haviam diversos fardos com tabletes de maconha, que após pesados totalizaram 370 quilos. Os policiais descobriram que as placas eram falsas e que o veículo havia sido tomado de assalto em Arapongas, em 17 de agosto.

Na região de Cascavel e Guarapuava, 543 quilos de maconha foram apreendidos em três ações durante a Operação Égide, que é realizada pela PRF desde o início do mês nos principais pontos críticos das rodovias federais do Brasil, com objetivo de combater o roubo de cargas e veículos e o tráfico de drogas e armas.

Operação Égide apreende maconha na região de Cascavel e Guarapuava

A primeira apreensão foi na sexta-feira (15), quando 115,1 quilos de maconha eram transportados em um veículo Kia Picanto, que foi abordado na BR-277, em Cascavel. O casal de namorados que estava no veículo foi preso. O condutor informou que pegou o carro com a droga em Foz do Iguaçu e levaria até Curitiba.

Em Irati, também na sexta-feira, os policiais realizavam rondas na BR-277 quando receberam informações de um Fiat Strada em atitude suspeita, foram atrás do veículo e conseguiram abordá-lo na PR-484. No compartimento de carga foram encontrados 219,9 quilos de maconha. O motorista contou que levaria a droga de Cascavel para a capital paranaense. O homem já possuía mandado de prisão em aberto por tráfico de drogas.

Já no domingo (17), na BR-277 em Cascavel, a equipe abordou um Citroen/C3 que viajava sentido Foz do Iguaçu-Cascavel. Dentro do carro havia vários tabletes de maconha, que totalizaram 208,3 quilos. O motorista revelou que pegou o carregamento em Cidade de Leste, no Paraguai.

Na BR-277, em Santa Terezinha de Itaipu, no domingo (17), o condutor e a passageira de um Gol foram presos com 63 quilos de maconha e skunk. Eles transportariam o entorpecente de Foz do Iguaçu para Indaial/SC.

Redação – Paraná Portal
Foto: Reprodução/Pixabay

Uma criança de nove anos morreu após se enforcar em um balanço no quintal onde morava, na cidade de Cianorte, na região noroeste do Paraná, neste domingo (17).

De acordo com o portal OBemdito, o menino estava brincando em casa quando o acidente aconteceu. O balanço, que ficava em um pé de jabuticaba, tinha um laço para que a pessoa colocasse o pé, onde a criança se enforcou.

A mãe, que estava dentro de casa, encontrou a criança no gramado com a corda no pescoço. A PMP (Polícia Militar do Paraná) foi acionada e os agentes iniciaram o procedimento de massagem cardiorrespiratória.

O menino foi encaminhado para um hospital de Cianorte, mas o menino morreu logo após dar entrada na unidade.