Autor

Redação

A navegação

Por: Angelo Binder
Foto: Site Oficial/Athletico PR

Depois de perder para o Bahia, o Athletico recebe Flamengo neste domingo (24), às 16h, na Arena da Baixada. Um triunfo pode aproximar o Furacão da vaga na Copa Sul-Americana e ainda manter o sonho de Libertadores 2021.

A Rádio Cidade transmite a partida a partir das 15h https://www.facebook.com/radiocidade670.

Apresentação: Henry Xavier
Narração: Sérgio Fagundes
Comentários: Sandro Rasbold
Reportagens: Julio Cesar Ruthes e Angelo Binder
Central Técnica: Thiago França

Nikão volta

O lateral-esquerdo Abner e o meia-atacante Nikão devem estar à disposição para o Athletico x Flamengo de domingo – o jogo será às 16h, na Arena da Baixada. Desfalques contra o Bahia, eles se recuperaram de dores e treinaram na manhã desta sexta-feira, no CT do Caju.

Com Abner na esquerda e Nikão na frente, Khellven e Vitinho voltam para o banco de reservas. Além disso, Fernando Canesin pode ser titular após cumprir suspensão.

Ceni tem desfalques

Rodrigo Caio sofreu uma lesão na coxa direita na vitória sobre o Palmeiras, iniciou tratamento integral e não vai enfrentar o Athletico.
Diego Alves na lista de desfalques. O clube informou que o goleiro ainda se encontra em “processo gradual de recuperação” de um problema também na coxa direita.

Prováveis escalações:

Athletico: Santos; Jonathan, Pedro Henrique, Thiago Heleno e Abner (Zé Ivaldo); Alvarado (Richard), Christian, Fernando Canesin e Carlos Eduardo; Nikão (Vitinho) e Kayzer.

Flamengo: Hugo Souza; Isla, Willian Arão, Gustavo Henrique, Filipe Luís; Gerson, Diego, Everton Ribeiro, Arrascaeta; Vitinho (Michael), Gabriel Barbosa.

Por Angelo Binder
Foto: Reprodução Facebook Coritiba

Depois de empatar em 3 a 3 com o Fluminense na última quarta-feira (20), no Couto Pereira, o Coritiba encara o São Paulo às 19h neste sábado (23), no Morumbi. O duelo é fundamental para que o Alviverde siga com chances de permanecer na elite do Brasileiro. A Rádio Cidade transmite o jogo a partir das 18h. Acompanhe pelo https://www.facebook.com/radiocidade670.

Empate com sabor amargo

Depois de estar vencendo o Fluminense por 2 a 0, o Coritiba cedeu o empate e ficou mais distante de sair da zona de rebaixamento, mesmo assim o rendimento do time no primeiro tempo anima o torcedor coxa-branca para o duelo contra o Tricolor que perdeu a liderança da competição após ser goleado pelo Internacional por 5 a 1, em pleno Morumbi, na última quarta-feira (20).

Sabino e Robson são desfaques no Coritiba


Sabino testou positivo para Covid-19 na véspera do jogo contra o Fluminense, quarta-feira, e foi vetado de última hora. Henrique Vermudt o substituiu e deve permanecer no time titular ao lado de Nathan Ribeiro.
Já Robson acabou expulso no fim do confronto frente ao time carioca. Ele se estranhou com Caio Paulista no meio-campo, logo após o terceiro gol tricolor, próximo dos acréscimos.

Provável Coritiba


O provável Coxa: Wilson, Natanael, Nathan Ribeiro, Henrique Vermudt e Guilherme Biro; Hugo Moura, Nathan Silva, Matheus Bueno e Luiz Henrique; Pablo Thomaz (Rafinha) e Neilton.

Torcedores pedem demissão de Diniz
Um grupo pequeno se reuniu em frente ao CT da Barra Funda na manhã desta sexta (22) para protestar contra o atual momento do São Paulo. Com faixas, pediam a demissão do técnico Fernando Diniz. A diretoria do São Paulo ainda não se manifestou.

O provável São Paulo é Tiago Volpi; Juanfran, Diego Costa, Léo e Reinaldo; Tchê Tchê, Daniel Alves, Igor Gomes e Gabriel Sara; Brenner e Luciano.

Joe Biden foi eleito presidente dos Estados Unidos. Segundo a última projeção da CNN norte-americana, divulgada no início da tarde deste sábado (7), o democrata conseguiu virar sobre Donald Trump na Pensilvânia e Geórgia, e ultrapassou a marca de 270 delegados necessárias para se eleger o 46º presidente americano.

A CNN dos EUA passou a cravar a vitória de Biden após a contagem de 2797 mil votos no contado da Filadélfia. Destes, 85% favoreceram o candidato democrata e aumentaram sua diferença para o republicano Trump para mais de 30 mil votos, assegurando sua vitória.

A projeção mais recente da CNN indica que Biden soma 273 delegados, contra 213 de Trump.

Vale ressaltar que a contagem oficial dos votos ainda não terminou nesses estados.

Joe Biden assumiu a vitória em seu perfil no Twitter e deve discursar ainda neste sábado (7).

Joe Biden foi vice-presidente dos Estados Unidos no governo de Barack Obama. Aos 78 anos, ele será o presidente mais velho a assumir a Casa Branca.

TRUMP COLOCA RESULTADO EM XEQUE

Em mais uma declaração sem provas, o republicano Donald Trump voltou a dizer, neste sábado (7) que venceu a eleição presidencial deste ano, apesar de a reta final da apuração apontar justamente o oposto.

“Eu venci esta eleição, de lavada”, escreveu ele no Twitter. Quase instantaneamente, a rede social incluiu um aviso de que a publicação não tinha base em fontes oficiais.

O staff de Donald Trump também deverá se pronunciar neste sábado, questionando a contagem dos votos.

Trump aparece atrás de seu adversário democrata, Joe Biden, em quatro dos seis estados que ainda não tiveram um resultado definitivo. O republicano lidera no Alasca e na Carolina do Norte, enquanto Biden se mantém à frente em Nevada, Pensilvânia, Geórgia e Arizona.

Esta não é a primeira vez que Trump de autodeclara vencedor da eleição. Na última quarta-feira (4), horas depois do fechamento das urnas nos EUA, o atual presidente fez um discurso na Casa Branca afirmando a própria vitória e acusando os democratas de fraude, como fez durante toda sua campanha.
As declarações, porém, não têm validade legal, e a disputa à Casa Branca permanece indefinida, embora Biden continue à frente.

Redação Paraná Portal e Folhapress
Foto: Sergio Lima/Folhapress

A TIM promove hoje o lançamento de seu novo posicionamento de marca em um jantar para cerca de 20 mil colaboradores e parceiros — todos em casa — com a receita do prato principal ensinada online e ao vivo pelos chefs Claude Troisgros e Batista. Já a sobremesa é criação de um dos próprios funcionários, escolhida em concurso interno promovido pela operadora.

 Live corporativa

Cerca de 20 mil pessoas – entre funcionários e parceiros – participarão, hoje e amanhã (9 e 10 de julho), da convenção anual de vendas da TIM, que será, pela primeira vez, on-line. Da região Sul, entrarão mil pessoas. O evento é o maior já produzido pela companhia e talvez um dos maiores do Brasil nesse formato. Terá happy hour com DJ, jantar de abertura com chefs famosos, show de encerramento, projeção na torre da empresa e uma série de palestras dos executivos da companhia. Tudo virtual, cada um na sua casa.

Foto: Jardim Movel / GNT

Mais da metade dos profissionais LGBTI+ não se sente confortável em expor sua orientação sexual ou identidade de gênero em seu emprego, 35% relatam ter sofrido preconceito no ambiente de trabalho e 66% acham que podem ser prejudicados em suas carreiras ao se assumirem. São dados de pesquisas promovidas pelo LinkedIn, Opinion Box e pela plataforma Glassdoor e que retratam os desafios desse público no mundo corporativo. A TIM promove, na próxima sexta (26), uma live para, justamente, debater como as empresas podem colaborar para mudar essa realidade.

Participam Reinaldo Bulgarelli, Secretário Geral do Fórum de Empresas e Direitos LGBTI+; Maite Schneider, transexual e fundadora da ONG TransEmpregos; Lucas Maia, jornalista e cientista político; e Consuelo Cruz, do grupo de afinidade Diáspora da Rede Globo. A mediação será do influenciador digital AD Júnior. É no canal da operadora no YouTube, a partir de 15h. A iniciativa faz parte da série de ações programadas pela companhia para celebrar o Dia do Orgulho LGBTI+ (28/06), mobilizando colaboradores e a sociedade em geral para o enfrentamento da discriminação e luta a favor da igualdade e respeito às diferenças dentro do ambiente de trabalho.

Para acesso ao canal da TIM clique aqui.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) espera que centenas de milhões de doses de uma vacina contra a Covid-19 possam ser produzidas neste ano e dois bilhões de doses até o final de 2021, disse a cientista-chefe Soumya Swaminathan, nesta quinta-feira (18).

A OMS está elaborando planos para ajudar a decidir quem deveria receber as primeiras doses uma vez que uma vacina seja aprovada, afirmou a cientista.

A prioridade seria dada a profissionais da linha de frente, como médicos, pessoas vulneráveis por causa da idade ou outra doença e a quem trabalha ou mora em locais de alta transmissão, como prisões e casas de repouso.

“Estou esperançosa, estou otimista. Mas o desenvolvimento de vacinas é uma empreitada complexa, ele envolve muita incerteza”, disse. “O bom é que temos muitas vacinas e plataformas, então, se a primeira fracassar ou se a segunda fracassar, não deveríamos perder a esperança, não deveríamos desistir.”

Cerca de 10 vacinas em potencial estão sendo testadas em humanos na esperança de que uma possa se tornar disponível nos próximos meses para prevenir a infecção. Países já começaram a fazer acordo com empresas farmacêuticas para encomendar doses antes mesmo de se provar que alguma vacina funciona.

Swaminathan descreveu o desejo por milhões de doses de uma vacina ainda neste ano como otimista, acrescentando que a esperança de até dois bilhões de doses de até três vacinas diferentes no ano que vem é um “grande se”.

A cientista afirmou que os dados de análise genética coletados até agora mostraram que o novo coronavírus ainda não passou por nenhuma mutação que alteraria a gravidade da doença que causa.

Agência Brasil
Foto: Divulgação/Samira Chami Neves/UFPR

Especializada em culinária, a Famiglia Cerutti não se abalou com a crise e inaugurou um novo restaurante voltado à alimentação saudável

Com 49 anos de tradição na gastronomia, o empresário Osmar Cerutti e sua esposa e chef de cozinha, Jaci Cerutti, não se intimidaram com a crise e decidiram expandir os negócios com mais duas novas opções culinárias em Curitiba.

A família de restaurantes cresceu sob o comando de Thais Cerutti. Recém-chegada dos Estados Unidos, a filha do casal abriu sua primeira loja no complexo gastronômico Souq Curitiba e já tem feito muitos apaixonados por poke aproveitarem as delícias da culinária típica havaiana.

Com a experiência que adquiriu na graduação, na pós-graduação em confeitaria e panificação na Anhembi Morumbi e no curso da Le Cordon Bleu em Portland, a Chef Thais conseguiu inovar ainda mais no novo restaurante da família. O Ceruti Lifestyle oferece diariamente opções de comida saudável preparadas com insumos selecionados e orgânicos e, além da alimentação tradicional, também conta com opções veganas.

Super novidade

Para os amantes do clima típico curitibano, a partir desta sexta-feira (12), a casa oferece uma linha de congelados e abre a noite com um delicioso buffet de sopas e massas de aquecer o coração. Nele, serão oferecidos oito sabores de sopa, cinco massas e molhos variados, além de um incrível buffet de saladas e dos deliciosos couverts do chef com pastéis e pães de fermentação natural.

Excepcionalmente para o dia da inauguração, a casa oferece um brinde especial e preferencialmente pede por reservas antecipadas. O Cerutti Lifestyle está aberto de terça-feira a domingo das 18h30 às 22h30. O estacionamento gratuito.

Siga a Famiglia Cerutti nas redes: @famigli_cerutti e @pomekemencwb

Conheça os restaurantes da Famiglia Cerutti:

Cerutti Lifestyle

Especializado em cozinha saudável, o restaurante é o mais novo lançamento da Famiglia Cerutti. Conta com opções veganas, além de oferecer um buffet incrível de sopas.

Reservas e informações: (41) 9 9983-8262

Av. Vicente Machado, 2223 – Batel.

Cerutti Prime

Essa unidade de gastronomia possui um requintado buffet com alimentos de primor e excelência, além da grande variedade de pratos. O restaurante está sempre preparado para receber todos que adoram se deleitar com uma deliciosa refeição.

Reservas e informações: (41) 3023-6885

Av. Nossa Senhora Aparecida, 703 – Seminário

Cerutti Express

Além de mais de 20 opções de pratos quentes, o restaurante conta com um ótimo buffet de saladas e com a variedade de sobremesas de excelente qualidade sempre com rapidez e economia.

Reservas e informações: (41) 3345-6258

Av. República Argentina, 1920 – Água Verde

Sistema desenvolvido pela F&S Consulting utiliza a Solução 4G TIM no Campo da operadora para levar soluções de inteligência artificial e aumentar a biossegurança nas granjas

A TIM fechou uma parceria inédita com a F&S Consulting, empresa brasileira dedicada à inovação para a indústria de alimentos, para oferecer uma solução integrada de conectividade e inteligência artificial a seus clientes de agronegócio. O sistema, batizado de “Granja 4.0”, já está sendo realizado em fase piloto em parceria com a JBS, em Santa Catarina. O monitoramento remoto viabilizado pela tecnologia impacta também na redução da movimentação de pessoas nas granjas, essencial em tempos de Covid-19, fortalecendo ações de biossegurança.

Com o objetivo de otimizar a produtividade das propriedades, a solução monitora o bem-estar dos animais dentro das granjas, fornecendo através de sensores IoT informações em tempo real de indicadores como temperatura e umidade do ambiente, qualidade do ar, peso e até o comportamento dos animais. O sistema fará parte do portfólio de soluções IoT da TIM e utilizando o 4G TIM no Campo como solução de conectividade.

“Pioneira em conectividade no Agro, a TIM está trazendo para seu portfólio IoT a primeira solução de Granja 4.0 do mercado através de parcerias com empresas especialistas no setor de proteína animal. Esta solução vai permitir tomada de decisão em tempo real, levando a digitalização para as áreas de produção em todo o país”, explica Alexandre Dal Forno, Head de Marketing Corporativo & IoT da TIM Brasil e líder do projeto “4G TIM no Campo”.

O “Granja 4.0” leva conectividade para dentro das granjas, o que possibilita o uso de tecnologias que já existem ou que estão em desenvolvimento, mas que não funcionavam no meio rural por falta de internet dedicada. “Tem muita pesquisa produzindo ferramentas que utilizam internet das coisas e inteligência artificial e que precisam de conectividade para mostrar todo o seu potencial”, afirma Leonardo de La Vega, diretor executivo da F&S Consulting.

Os sensores instalados dentro das granjas, que estão conectados à plataforma Narrow Band IoT da TIM, coletam dados em tempo real que são processados e analisados, projetando cenários possíveis e permitindo a tomada de decisão antecipada. “Em vez de olhar pelo retrovisor, como fazemos normalmente hoje – com técnicos que realizam coletas e registram essas medições manualmente para produzir relatórios posteriores – temos diagnósticos precisos a cada minuto”, complementa Vega.

Nessa primeira fase do projeto, uma unidade da JBS em Santa Catarina, dedicada à produção de aves, vai receber a solução. Para José Antônio Ribas Júnior, Diretor de Agropecuária da empresa, “estamos na porta de um novo mundo, com a inteligência artificial permitindo não só monitorar uma realidade dentro da granja, mas já tomando a decisão de ajuste na hora, com precisão e celeridade”, explica. A JBS apostou no projeto por três pilares principais, explica Ribas: “bem-estar animal, ganhos qualitativos, e resultados através de redução de custos e agregação de valor”, destaca o executivo.

Biossegurança
No cenário atual, alerta Vega, com a necessidade de isolamento social e redução de trânsito de pessoas, a existência de sistemas como esse permite que as normas de biossegurança sejam mantidas com mais rigor, evitando que um técnico que visita diferentes propriedades ingresse no local. “Os técnicos passam a trabalhar de forma remota, avaliando informações coletadas pelos sensores que auxiliam com análises estatísticas para projeções futuras. É possível corrigirmos erros que sequer aconteceram ainda”, pondera o fundador da F&S.

Ribas vai além e acredita em uma nova realidade de trabalho para o pessoal técnico. “Imagino que, em pouco tempo, nossos extensionistas, que são os responsáveis pela relação da empresa com os produtores, irão poder fazer isso diretamente de um centro de comando, com muito mais informações e o apoio dos cálculos gerados em tempo real”, projeta.

Já Dal Forno afirma que é possível desenvolver um projeto de conectividade para qualquer tamanho de propriedade. “Outra vantagem é que o cliente não precisa ter a preocupação de fazer a manutenção desta rede, é a TIM que fica responsável por fazer tudo funcionar corretamente”, explica. Atualmente a empresa já conecta mais de cinco milhões de hectares no país.

Sobre a TIM
A TIM segue com sua missão de conectar e cuidar de cada um e para que todos possam fazer mais. Para isso, atua focada nos pilares estratégicos de oferta, infraestrutura, eficiência e experiência do cliente, com base em uma cultura interna de “accountability” e na mudança de processos e plataformas que permitam a transformação digital. A nova assinatura da marca – “A evolução não para” – reforça o compromisso da companhia com seu Plano de Investimentos e com o objetivo de se tornar a melhor operadora de telecomunicações do Brasil.
A empresa é desde 2015, líder em cobertura 4G no país e referência como player de ultra banda larga móvel e fixa. É ainda a única empresa do setor de telecomunicações no Novo Mercado da B3, reconhecido como nível máximo de governança corporativa, além de ser a operadora de telecomunicações há mais tempo consecutivo no Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE). Para mais informações, acesse www.tim.com.br.

Foto: Coopeavi

Frequência aumenta cobertura e melhora a experiência do uso da internet móvel, especialmente em ambientes fechados

Apesar dos desafios operacionais, em tempos de combate ao coronavírus, a TIM mantém o seu plano de investimentos em rede no Paraná. A operadora trabalha na expansão e na melhoria da cobertura para garantir uma melhor experiência de uso da internet móvel aos seus clientes. Dentro deste projeto, acaba de contemplar mais 63 cidades paranaenses com a ativação da rede de quarta geração (4G) na frequência de 700 MHz. A tecnologia aumenta a capacidade de rede e permite um maior alcance do sinal, especialmente em ambientes fechados.

“Neste momento que o mundo enfrenta uma pandemia, a exigência do isolamento social coloca o setor de telecomunicações como serviços essenciais. Cientes do seu papel neste cenário, a TIM não parou seus investimentos de forma a garantir que a sociedade continue conectada, com uma rede capacitada para atender o aumento da demanda neste novo formato de trabalho, ensino e lazer”, explica o diretor Comercial da TIM Brasil para a Região Sul, Christian Krieger.

A TIM mantém a liderança na tecnologia 4G, com 3.506 municípios cobertos, o que representa 94% da população urbana do país. Em todo o Estado, a rede 4G da TIM já está disponível em 100% das 399 cidades paranaenses, sendo 264 com a frequência de 700Mhz. Por ser uma frequência mais baixa, a faixa 700 MHz permite um alcance de cobertura quatro vezes maior quando comparado ao da faixa de 2600 MHz, além de proporcionar uma maior penetração em ambientes indoor, como dentro de shoppings centers. Todos aparelhos do portfólio atual da operadora já operam na frequência 700 MHz. As ofertas de dados se mantêm, sem qualquer reajuste de preços por conta da nova tecnologia.

No PR, as novas cidades com a frequência em 700 Mhz são: Altônia, Antônio Olinto, Apucarana, Araruna, Assaí, Bandeirantes, Boa Ventura de São Roque, Bom Sucesso, Borrazópolis, Califórnia, Catanduvas, Centenário do Sul, Cianorte, Colorado, Curiúva, Fênix, Florestópolis, Flórida, Godoy Moreira, Goioerê, Guaíra, Guaraci, Guaraniaçu, Honório Serpa, Ibiporã, Icaraíma, Itambé, Ivatuba, Jandaia do Sul, Japurá, Jardim Alegre, Juranda, Mandaguari, Matelândia, Nova Londrina, Nova Olímpia, Nova Santa Rosa, Ourizona, Palotina, Pinhão, Pitangueiras, Quatiguá, Reserva do Iguaçu, Rio Bom, Rolândia, Santa Amélia, Santa Helena, Santa Inês, Santa Tereza do Oeste, São Jerônimo da Serra, São João do Ivaí, São João do Triunfo, São Jorge do Ivaí, Serranópolis do Iguaçu, Teixeira Soares, Terra Boa, Terra Rica, Terra Roxa, Toledo, Tomazina, Turvo, Uniflor e Xambrê.

Morreu nesta quarta-feira (27), em Curitiba, o jornalista curitibano Ali Chaim, que apresentava um programa de entrevistas na Rádio E-Paraná, a emissora do governo do estado. O Califa 33, como era chamado, tinha 81 anos e estava internado no Hospital Santa Cruz. A causa da morte não foi divulgada.

No jornalismo, o repórter se destacou de uma forma peculiar na cobertura policial. Chaim costumava descrever o ambiente de uma delegacia, com a linguagem de policiais e criminosos: “O, malandragem! Você aparece todo mês aqui. Gosta da quentinha? O que puxou agora?”.

Entre os anos 1970 e 1980, o jornalista apresentou um programa diário de cinco minutos na TV Iguaçu (hoje Rede Massa): O Coaxo do Califa. Chaim não aparecia no vídeo. Apenas a sombra do jornalista era vista pelos espectadores, como se ele estivesse em uma cabine.

Rádio CBN Curitiba
Foto: Reprodução/Programa Persona da UFPR