Bombando

De virada, Brasil perde para Austrália em estreia de Marta

Vinicius Cordeiro do Parana Portal

Apesar do retorno de Marta, o Brasil perdeu, de virada, para Austrália por 3 a 2 nesta quinta-feira (13) e sofreu o primeiro revés na Copa do Mundo Feminina.

Eleita seis vezes como a melhor jogadora do mundo, a camisa 10 abriu o placar em cobrança de pênalti e viu Cristiane, de cabeça, ampliar a vantagem brasileira.

Foord descontou nos acréscimos do primeiro tempo e o técnico Vadão acabou substituindo Marta, por questão física, e Formiga no intervalo. Sem duas das principais atletas, a seleção brasileira teve um apagão e acabou pecando na etapa final. Logarzo empatou em um erro da goleira Bárbara e a zagueira Mônica marcou contra para selar a derrota.

“A gente não pode dormir num jogo desses. Parece que deu uma desligada no time. Com um 2 a 0 isso não pode acontecer”, lamentou Cristiane depois do apito final.

PRÓXIMO JOGO

Com três pontos, o Brasil passa a dividir a liderança Grupo C com a própria Austrália, além da Itália. Porém, as italianas podem disparar na ponta da tabela caso vençam a Jamaica. O duelo está marcado para essa sexta-feira (14), às 13h.

Na última rodada, Brasil e Itália se enfrentam. O jogo está marcado para a próxima terça-feira (18), às 16h.

EFEITO MARTA

A presença da “rainha do futebol” traz confiança à seleção brasileira e impõe mais respeito sobre as adversárias, mesmo sem a craque estar 100% fisicamente. O técnico Vadão seguiu o planejamento feito com sua comissão e optou por tirar Marta ainda no intervalo da partida.

Com o gol feito, Marta igualou a marca do alemão Miroslav Klose. Com 16 gols cada, eles são os maiores artilheiros em Copas do Mundo. 

Além disso, a brasileira bateu outra marca: ela é a única a marcar em cinco Mundiais diferentes (três gols em 2003, sete em 2007, quatro em 2011 e um em 2015).

Marta_Brasil
Marta segue fazendo história no futebol. Foto: Divulgação / Twitter FIFA Women’s World Cup

A VIRADA

A lateral esquerda Tamires também foi protagonista do jogo. Aos 25 minutos de jogo, a camisa 6 cruzou e Letícia Santos acabou sendo derrubada no lance que originou o primeiro gol brasileiro. O Brasil seguiu melhor e ampliou aos 37. Tamires deu uma caneta na marcação e acionou Debinha. A camisa 9 cruzou com inteligência e Cristiane cabeceou com estilo para marcar.

Nos acréscimos, a Austrália diminuiu. Abola foi lançada na área brasileira e Foord completou para as redes.

Na etapa final, o Brasil recuou e passou a rifar mais a bola até sofrer o empate, aos 12. Logarzo cruzou da direita, ninguém desviou e a goleira Bárbara aceitou.

Aos 21, saiu o gol que definiu o resultado. A Austrália tentou uma bola longa e Mônica desviou contra a própria meta. Bárbara não conseguiu alcançar a bola e a arbitragem, com o auxílio do VAR, validou o tento australiano apesar de Kerr estar impedida no lance.

Barbara_Brasil
Bárbara não teve uma boa atuação contra as australianas. Foto: Divulgação / Twitter FIFA Women’s World Cup

LEIA TAMBÉM:

Escreva um comentário

%d blogueiros gostam disto: