Redação – Paraná Portal
Foto: Reprodução/Facebook

Nesta segunda-feira (12), a ex-vereadora e ex-deputada estadual Irondi Pugliesi morreu vítima da Covid-19 aos 73 anos. Ela estava internada no Hospital do Norte Paranaense desde o dia 16 de março, mas não resistiu as complicações do vírus .

A ex-deputada era esposa do ex-prefeito e também ex-deputado de Arapongas, Waldyr Pugliesi. Ela deixa três filhas: Márcia, Cibele e Maité.

No dia 28 de maço, o pai de Irondi Pugliesi, Libertino Montovani, também morreu em decorrência de complicações causadas pela Covid-19. Há poucos meses, sua irmã, de 75 anos, também não resistiu a batalha contra o vírus.

Pelas redes sociais, parlamentares lamentaram a morte da ex-vereadora. Entre eles, o deputado estadual Luiz Claudio Romanelli (PSB): “Foi ela que no início da década de 1980 implantou o primeiro Conselho da Condição Feminina no Paraná. Perdemos uma lutadora a favor dos direitos humanos e da democracia”.

Roberto Requião também prestou condolências à família da ex-deputada. “Mulher valorosa, ex-deputada estadual e minha parceira na última campanha ao Senado.”

Irondi Pugliesi foi eleita deputada estadual em 1994. Foi eleita vereadora em Arapongas em 2012.

Escreva um comentário