Destaques

Governo do Paraná reforça isolamento social e anuncia contratação de leitos de UTI


Na manhã desta quinta-feira (26), o governador do Paraná, Carlos Massa Ratinho Junior (PSD), anunciou novas medidas para o enfrentamento do coronavírus. Ele também afirmou que nos próximos dias irá avaliar a necessidade de manter o isolamento social no Estado.

“Quem puder ficar em casa, é importante ficar em casa e cuidar dos avós e dos pais. Nosso pedido agora para a população é se puder continuar ficar em casa, fique. Se puder evitar ir ao comércio, evite.”

MEDIDAS DO GOVERNO DO PARANÁ EM RELAÇÃO À SAÚDE

Uma das medidas é a contratação de 300 leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) adulto e 731 leitos de enfermaria. A previsão é que os leitos fiquem disponíveis para a população em até 10 dias.

“Não vai ter leito só em Curitiba. Hoje a estrutura que nós montamos é região, onde cada região do Estado vai ter estrutura eficiente e capaz de atender a população com muita qualidade”, disse o Governador do Paraná.

Segundo o Secretrário de Saúde, Beto Preto, com os leitos já existentes no Estado, o número pode chegar a dois mil no Paraná.

Além disso, o Governo do Paraná também anunciou a compra de leitos de hóteis, em diversas cidades, para profissionais da saúde, que atendem pacientes com coronavírus, e que precisam de isolamento dos seus familiares.

ISOLAMENTO SOCIAL CONTINUA NO PARANÁ

O governador destacou que a orientação é para que a população permaneça em casa. Ratinho Junior disse que todos os dias estão sendo anunciadas novas medidas para evitar aglomeração de pessoas e, se for necessário, o Paraná pode chegar a determinação de quarentena.

“Eu não discuto ideologia, nós discutimos metedologias. O que o mundo está fazendo que está dando certo? O que o mundo está fazendo que não está dando certo? O Paraná vem, até então, conseguindo de forma organizada e planejada fazer esse combate e esse enfrentamento.”

Quando indagado sobre o discurso do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) sobre flexibilizar a quarentena, o Governador do Paraná afirmou que apoia os órgãos de saúde. “Nossa ideia de apresentar essa proposta de saúde para a população é deixar muito claro que nós estamos preparados para esse enfrentamento”

Redação Paraná Portal

Escreva um comentário