Pra não esquecer

Justiça bloqueia R$ 2 bilhões de concessionárias e investigados na Operação Integração

Do Paraná Portal

O juiz Paulo Sérgio Ribeiro, da 23ª Vara Federal de Curitiba, responsável pelos processos da Operação Integração, um desmembramento da Lava Jato que apura o esquema de corrupção envolvendo agentes públicos e concessionárias de pedágio do Paraná, determinou bloqueios que somados ultrapassam a cifra de R$ 2 bilhões.

Os bloqueios atendem ao pedido do Ministério Público Federal (MPF). Na denúncia, os procuradores estimam que o valor mínimo para reparação dos danos causados pela organização criminosa é de R$ 888.686.425,94 (oito bilhões, oitocentos e oitenta e oito milhões, seiscentos e oitenta e seis mil quatrocentos e vinte e cinco reais e noventa e quatro centavos).

Leia mais: Operação Lava Jato completa cinco anos

Escreva um comentário