Cidades

Justiça recomeça processo que investiga morte de jogador Daniel

A Justiça volta a ouvir depoimentos de testemunhas no processo que investiga a morte do jogador Daniel Correa. A partir desta segunda-feira (1°), mais de 40 pessoas devem prestar depoimento sobre o caso.

Para a segunda fase do processo, estão reservados quatro dias para ouvir os depoimentos da testemunhas de defesa. Depois disso, começam os depoimentos dos sete réus.

Réus no processo

Edison Brittes, que confessou ter matado o jogador, Cristiana Rodrigues Brittes, esposa de Edison, Allana Emilly Brittes, filha do casal, além de Eduardo Henrique Ribeiro da Silva, Ygor King, David Willian Vollero Silva e Evellyn Brisola Perusso.

Após todos os depoimentos, a Justiça vai analisar as alegações finais da defesa e da acusação, e só então definirá se os acusados vão ou não a Júri Popular.

leia mais: Corpo é encontrado na beira do rio Atuba em Curitiba

Escreva um comentário