Redação Paraná Portal
Foto: Reprodução

A mãe do empresário bolsonarista Luciano Hang, dono da rede de lojas Havan, morreu ontem (3) por complicações da Covid-19. Regina Modesti Hang estava internada desde o dia 28 de dezembro em um hospital de luxo de São Paulo (SP).

A informação da morte foi confirmada hoje (4) por Luciano Hang, pelas redes sociais. “Quero agradecer a todos os médicos e profissionais que lutaram durante estes últimos dias por sua vida”, escreveu o empresário.

Alinhado a Jair Bolsonaro, Luciano Hang é um negacionista da Covid-19 e vinha negando os riscos da pandemia. Durante a crise sanitária, fez grandes inaugurações de lojas da Havan e promoveu aglomerações.

Além disso, defendeu o uso de remédios sem eficácia comprovada para o coronavírus.

O empresário não fez nenhum comentário sobre Covid-19 desde que perdeu a mãe, Regina Modesti Hang, que agora entra para a estatística dos mais de 227 mil brasileiros mortos pela doença.

Pelas redes sociais, ele recebeu mensagens de conforto de colegas e parceiros comerciais:

//www.instagram.com/embed.js

“Deus vai recebê-la com o mesmo amor e carinho que ela sempre recebeu a mim e seus amigos na casa dela”, escreveu Celso Portiolli.

“Chorei com você, eu adorava dona Regina e vi por diversas vezes o orgulho que ela sentia por ti”, disse Ratinho.

Escreva um comentário