Destaques

Coritiba decide hoje se aceita recomendação de MP de torcida única no jogo contra o Paraná

Após a recomendação do Ministério Público do Paraná (MP-PR) à Polícia Militar e ao clube Coritiba, de realizar a partida contra o Paraná Clube com torcida única, o Coritiba, que tem o mando da partida, precisa chegar uma decisão até hoje (29).

veja mais: Fala, Capitão: Campeonato Paranaense

O jogo é pela última rodada antes do mata-mata do segundo turno do Campeonato Paranaense, a Taça Dirceu Krüger, marcado para este domingo (31), às 16h, porém, com o estádio Couto Pereira indisponível devido a desmontagem da estrutura do show do Paul McCartney no dia anterior, o jogo teve que ser transferido para o Estádio do Pinhão em São José dos Pinhais.

A transferência motivou uma comunicação da PM para o Ministério Público alertando à problemas de segurança do estádio: “inexistência de divisão adequada entre as torcidas rivais (com alambrados muito baixos) e vias de acesso restritas e estreitas, sem possibilidades de escoamento adequado dos torcedores nem de divisão de acessos para as duas torcidas.”

Após a comunicação, o Ministério Público emitiu um documento recomendando a realização da partida com torcida única e também que seja proibido o acesso ao estádio de torcedores portando camisas e adereços de torcidas organizadas.

A posição da Federação Paranaense de Futebol é contrária a jogos com partida única, pois a o regulamento do campeonato coloca que caso seja do interesse do time visitante, o time da casa tem que disponibilizar pelo menos 10% dos lugares no estádio, e o Paraná Clube já se afirmou que não vai aceitar o jogo com torcida única, caso o Coritiba tome essa decisão.

O Coritiba também vem se posicionando contra a ideia da torcida única, mas pode ser convencido pela Polícia Militar e pelo Ministério Público, a decisão definitiva sai hoje (29). Caso o Coritiba aceite a recomendação, o Paraná Clube pretende levar o caso à Justiça para garantir a presença da sua torcida.

Escreva um comentário