Categoria

Esporte

Categoria

O Operário empatou em 1 a 1 com o Sampaio Correia na tarde desta sexta-feira (11) e ampliou para quatro jogos o jejum de vitórias no Campeonato Brasileiro da Série B.

Rafael Oller abriu o placar para o Operário e Mazinho (contra) empatou para o Sampaio Correia.

O duelo foi realizado no Germano Krüger, em Ponta Grossa, sem a presença de público devido a pandemia da Covid-19.

O empate deixou o Operário com 35 pontos, sete acima da zona de rebaixamento. Já o Sampaio Correia chegou aos 45 pontos, dois acima do Juventude – atual quinto colocado e que ainda joga nesta rodada.

As duas equipes voltam a campo no início da próxima semana. O Operário recebe a Ponte Preta no Germano Krüger, na segunda-feira (14), às 20h, enquanto o Sampaio Correia recebe o Avaí no Castelão, na terça-feira (15), às 19h15.

OPERÁRIO CEDE EMPATE DURANTE ‘APAGÃO’ NO SEGUNDO TEMPO

A primeira chance de gol da partida foi do Operário. Aos sete minutos, Ricardo Bueno bateu cruzado e Daniel Felipe se esticou para cortar para a linha de fundo.

Nova chance de Ricardo Bueno aos 22 minutos. O atacante foi lançado na área, mas demorou para finalizar e Paulo Sérgio conseguiu fazer o desarme.

O Sampaio Correia respondeu no minuto seguinte. Gustavo Ramos arriscou da intermediária e a bola passou perto do poste direito de Martín Rodríguez.

O Operário conseguiu abrir o placar aos 25 minutos. Rafael Oller recebeu na esquerda, invadiu a área e bateu colocado no ângulo direito da meta.

Diego Tavares perdeu boa chance para empatar o jogo aos 36 minutos. O atacante foi lançado na área, mas se atrapalhou no domínio e bateu por cima da meta.

Ainda deu tempo do Sampaio Correia criar nova chance de perigo. Aos 42 minutos, Marlon fez o cruzamento da esquerda e a bola sobrou para Gustavo Ramos emendar de primeira, mas a zaga conseguiu travar a finalização.

No primeiro minuto do segundo tempo, o Sampaio Correia conseguiu empatar o duelo. Marcinho bateu falta da esquerda e Mazinho resvalou de cabeça contra a própria meta.

Caio Dantas apareceu pela primeira vez no jogo somente aos 16 minutos. O atacante recebeu na esquerda, puxou para o centro e no momento da batida escorregou.

Martín Rodríguez conseguiu boa intervenção aos 17 minutos. Marcinho arriscou falta da intermediária e o goleiro espalmou para a linha de fundo.

O goleiro voltou a salvar o Operário aos 20 minutos. Marlon cruzou da esquerda e Diego Tavares cabeceou firme no canto esquerdo para o arqueiro espalmar.

A primeira finalização do Operário saiu apenas aos 38 minutos. Douglas Coutinho cruzou da esquerda e Lucas Batatinha cabeceou para Gustavo defender no ângulo esquerdo.

Jorge de Sousa – Paraná Portal
Foto: Andre Jonsson/OFEC